Se você é uma daquelas pessoas que ama plantas mas simplesmente não consegue mantê-las vivas, eis uma opção: pequenas flores, cactos e suculentas feitas em papel e à mão pela artista libanesa-venezuelana, que mora em Barcelona, Raya Sader Bujana. Medindo aproximadamente 5-6 centímetros de altura, estes lindos terrários acabaram virando obras de arte em miniatura e podem ser mantidos em qualquer ambiente da casa.

Inspirada pela natureza, pela arquitetura e por padrões intrincados, Raya conta que cuidadosamente corta as folhas de papel, uma a uma. Entre seus materiais estão pinças, estiletes de precisão e cola. Como resultado temos inúmeras peças realistas que trazem um pouco mais de verde e cores para o dia a dia. A atenção aos detalhes é impressionante: as plantas realmente parecem de verdade e a redoma de vidro em miniatura dá o acabamento final.

Cada peça é cuidadosamente cortada à mão a partir de papéis coloridos.

Em seu site, Raya diz: “Depois de estudar arquitetura na Venezuela até o último semestre tive que mudar para Barcelona. Tentei continuar/recomeçar meus estudos por 3 (muito longos) anos, até que eu decidi abandonar tudo em 2008 e me concentrar no que eu faço melhor: paper art e design. 

Eu meio que sempre soube que era isso o que eu queria fazer e estou muito feliz em poder realizar isso agora. Eu já criei peças em papel para vídeos em stop-motion, esculturas, trabalhei com marcas como Camper e DOIY e atualmente estou me concentrando em novas exposições para minha arte”.

A fantástica artista é influenciada pela arquitetura, seu amor pela natureza e padrões intrincados.

Os terrários de papel são tão pequenos que você pode segurá-los na ponta dos dedos!

Muita perfeição! Saiba mais sobre o lindo trabalho de Raya Bujana em seu site, no Facebook ou Instagram. Você também pode comprar os pequenos terrários de papel através de seu Etsy Shop

Curtiu? Aqui tem um passo a passo para você criar o seu vaso de cactos usando pedra!

Carol T. Moré é editora do FTC. Internet, café, todo tipo de arte, viagens e pequenos detalhes da vida a fazem feliz. Acredita que boas histórias e inspirações transformadas em pixels conectam pessoas.

Carol T. Moré – já escreveu posts no Follow the Colours.


Você também poderá gostar de:
Comentários