Em 1986, muito antes do lançamento do iPhone e dos Macbooks que conhecemos hoje pelo incrível design minimalista e alta tecnologia, a famosa marca Apple decidiu lançar sua própria linha de roupas e acessórios. Sim!

A chamada The Apple Collection trazia camisetas, camisas polo, moletons, roupas de ginástica, cintos, óculos de sol, bonés, tênis, e outros objetos como canivetes, relógio, toalhas de banho, bolsas, guarda-chuva e até (pasmem!) um veleiro e prancha de surf com o logo da Apple. A estética projetava diretamente a atmosfera kitsch e as cores que dominavam os anos 80.

As camisetas peculiares da Apple Collection em estilo Memphis, que está super em voga novamente.

O SURGIMENTO DA APPLE COLLECTION

A Apple Collection foi lançada um ano depois que Steve Jobs foi demitido como presidente (1985) após discutir com John Sculley. Steve Jobs havia visitado os escritórios da Sony e observou que os funcionários estavam usando uniformes com a marca.

Sculley então achou que era necessário criar algo parecido e encomendou à Issey Miyake alguns projetos. A ideia era apresentar uma vestimenta moderna aos executivos da Apple e também ver o quão longe seus fãs os seguiriam. A marca acreditava que a linha iria encorajar as pessoas a mostrarem seu estilo de vida e apoio à empresa de maneira pública.

Em um dos comentários feitos na matéria apresentada pelo site The Trad, um anônimo disse:

“Meu pai era executivo na Apple nos anos 80 e, como resultado, os itens da coleção e as maçãs dominaram o armário dele. Bonés, cintos, camisas polo. Meu pai os usava sempre e temos isso registrado na maioria das fotos familiares da época”.

Canivete, toalhas, caneca, lancheira, guarda-chuva, relógio. Detalhe: o ‘Apple Watch’ acima custava $35 dólares! 

Surpreendentemente, ninguém se interessou muito na época e a Apple Collection vendeu muito mal. Não há números concretos e exatos, mas segundo análises dos itens para revenda disponíveis na web hoje em dia, seria algo em torno de 300 peças.

Não deu muito certo, porém a ideia não foi perdida. Logo em seguida, Issey Miyake produziria algumas centenas de blusas pretas de gola alta para que Jobs usasse como seu próprio uniforme pessoal, o que se tornou muito memorável pelo resto de sua vida.

Abaixo você confere alguns modelitos:

 

O tênis criado como protótipo só foi entregues aos funcionários. Recentemente um dos pares vintage foi vendido em leilão por $15 mil dólares.

A coleção trazia até itens para crianças: brinquedos, lancheiras, camisetas!

Uma jaqueta bomber dessas hoje, hein? Que sucesso faria! 

A ideia está longe do design minimalista e atemporal que fez com que os produtos da Apple se tornassem a sensação que são hoje. Será que Jobs aprovaria isso?

Nem o veleiro ficou de fora! 

Já imaginou? As roupas em estilo geekwear caberiam em qualquer guarda-roupa moderno hoje em dia!

Imagens: Rickh3255/imgur.

Carol T. Moré é editora do FTC. Internet, café, todo tipo de arte, viagens e pequenos detalhes da vida a fazem feliz. Acredita que boas histórias e inspirações transformadas em pixels conectam pessoas.

Carol T. Moré – já escreveu posts no Follow the Colours.


Você também poderá gostar de:
Comentários