Cinépolis Junior, a sala de cinema para toda a família (Foto: Ernesto López Ruiz)

Algumas décadas atrás, as grandes redes de cinema internacionais começavam a criavam salas para o espectador assistir a um filme com bastante conforto em sua poltrona, comer muita pipoca e beber refrigerante naqueles copos gigantes. Com os anos, no entanto, esses espaços foram perdendo parte do público.

Não foi o VHS nem o DVD ou Blu-Ray que levaram ao fechamento de dezenas delas, mas a era digital: basta um clique para ver um filme exclusivo no Netflix, Amazon Prime e outros serviços semelhantes, sem contar sites de pirataria que disponibilizam gratuitamente filmes que ainda estão nos cinemas.

A resposta para atrair novamente esse público é, logicamente, inovar e oferecer algo a mais. No entanto, isso não se refere apenas a salas com telas imensas (Imax) ou tecnologia 3D e 4D, mas a espaços para toda a família, onde pais e filhos possam se divertir, ainda que o filme acabe não sendo o foco principal.

Muitos adultos vão disputar essas poltronas em formato de pufe. Sim ou sim? (Foto: Divulgação)

Assistir ou brincar? Os dois!

A rede de cinemas mexicana Cinépolis resolveu apostar em salas multifuncionais, com projeção de filmes e playground. Batizado Cinépolis Junior, o espaço instalado em dois cinemas dos Estados Unidos permite às crianças “assistir” às suas produções favoritas enquanto brincam dentro do ambiente.

Os pais podem ficar despreocupados e acompanhar tudo de dentro da sala. A ideia pretende estimular as famílias a sair de casa e deixar a TV de lado quando quiserem assistir a um filme e fazer algo diferente. Ou seja, trazer o público de volta ao cinema com algo a mais em troca. E como sabemos que crianças são hiperativas em uma certa idade, tudo foi projetado para que gastem suas energias.

Por enquanto, apenas duas salas desse tipo estão funcionando, uma em Los Angeles e outra em San Diego, ambas na Califórnia, e os ingressos custam 3 dólares a mais do que o valor das sessões comuns. Com aproximadamente 17 metros de comprimento e 7,5 metros de altura, as salas têm equipamentos lúdicos que simulam atividades em uma floresta. Tem até escorregador com piscina de bolinhas!

Se ao menos as salas de cinema da minha infância tivessem escorregador com piscina de bolinhas… (Foto: Divulgação)

Resta saber se o público realmente irá aprovar a ideia, já que foram inauguradas recentemente. Se fizer sucesso, pode até ser que o Cinépolis Junior chegue aos países da América Latina, como o Brasil. Você levaria seus filhos ou sobrinhos para uma sessão onde o filme importa menos do que as brincadeiras?

Se o filme escolhido for chato, esta será uma visão bem mais interessante (Foto: Divulgação)

Tios e tias terão um motivo a mais para passar um tempo com seus sobrinhos (Foto: Divulgação)

*Este post foi publicado originalmente no Blog da Arquitetura.

Inspirações diárias e conteúdos relevantes com o melhor da arquitetura, design, criatividade e mais.

Blog da Arquitetura – já escreveu posts no Follow the Colours.


Você também poderá gostar de:
Comentários