follow-the-colours-design-lab-intro

A gente já falou por aqui sobre o Concurso Mundial de Design da Electrolux, o Electrolux Design Lab, que convida estudantes do mundo todo para desenvolverem projetos inovadores relacionados a design, sustentabilidade e praticidade. Em 2014, com o tema “Criação de Casas Saudáveis”, a marca buscava produtos, acessórios, bens de consumo e serviços em 3 áreas: prazer na gastronomia, cuidados com tecidos e purificação do ar.

Foram mais de 1.700 inscritos e entre os 35 melhores da semifinal, estão dois projetos brasileiros: o Orbis de Guilherme Lopes Pedro (Unesp) e o Feasy de Haline de Oliveira Pinto (UFRJ). Através de votação do público, o vencedor receberá um prêmio e um estágio remunerado de 6 meses em um centro global de design da Electrolux. Conheça:

follow-thecolours-design-lab-2014-electrolux-orbis

Guilherme Pedro desenvolveu o Orbis, um purificador de ar que gira em órbita como um planeta para deixa o ar em ótimas condições. Ele ajusta a temperatura, luz e umidade do ambiente, além de usar energia magnética para filtrar, remover poeira e micro-organismos.

follow-the-colours-design-lab-2014-electrolux-feasy

Haline de Oliveira Pinto desenvolveu o Feasy, um organizador de comida modular que armazena, otimiza a temperatura e a umidade ideal de cada alimento, já que pode ser controlado separadamente.

Nós adoramos saber que 2 brasileiros estão concorrendo com ideias tão bacanas! E em conjunto com o Electrolux Design Lab 2014, o FTC é apoiador do projeto de Halini e quer a sua ajuda para ela chegar até a final.

Vote no Feasy! O mais legal? Todos que votarem podem concorrer a uma viagem para Paris para assistir à final do Design Lab. Lembrando que pelo concurso ser global, as participações devem ser em inglês.

FB_post_FTC_DL

Boa sorte!

Carol T. Moré é editora do FTC. Internet, café, todo tipo de arte, viagens e pequenos detalhes da vida a fazem feliz. Acredita que boas histórias e inspirações transformadas em pixels conectam pessoas.

Carol T. Moré – já escreveu posts no FTCMAG.



Comentários