Eu gostaria de pedir 10 minutos da sua atenção. Sei que você é impaciente, tem muitas coisas para resolver agora, mas vai valer a pena, acredite em mim. No final de 2010, a Box1824 (agência de pesquisa, inovação, tendências) lançou o vídeo “We all want to be Young”, que fazia um mashup de filmes e músicas pop para falar da evolução do comportamento jovem desde os “Baby Boomers” até os Millennials, a geração jovem atual. O vídeo se converteu num viral e atingiu mais de 1 milhão de views em menos de 6 meses. Agora, acabam de lançar mais um com o intuito de divulgar tendências que foram se desenhando a partir de estudos e pesquisas próprias: “All work and all play” – com foco específico no jovem que está começando sua vida profissional, seus sonhos, aspirações e conceito de sucesso: eu, você, nós todos por aqui. Então veja com carinho e me responda: O que você está fazendo agora? É algo que você realmente ama?

Vou falar, hein: FODA.

*Vale a pena sempre se inspirar no Ponto Eletrônico, blog da Box1824.

All work and all play (legendado) from Box1824 on Vimeo.

“Através de filmes icônicos que retratam a cultura corporativa de cada geração, o vídeo traça paralelos sobre as motivações que fazem com que o jovem se identifique com a oferta de emprego e a maneira como as gerações se relacionavam com o espaço de trabalho e a carga horária destinada ao mesmo, o que acabou impactando a divisão entre trabalho e vida pessoal.  Diferente dos baby boomers que buscavam estabilidade em primeiro lugar e da geração X que pretendia ficar rico enquanto jovem, os millennials procuram opções profissionais onde possam associar suas paixões pessoais com o trabalho o que minimiza esta separação que era mais nítida nas gerações anteriores. Além disso, através do vídeo é possível entender os fatores sociais e econômicos que impulsionaram a evolução das relações de trabalho, o que permite se posicionar de acordo com o panorama do mercado para os próximos anos.”

Via.

Carol T. Moré é editora do FTC. Internet, café, todo tipo de arte, viagens e pequenos detalhes da vida a fazem feliz. Acredita que boas histórias e inspirações transformadas em pixels conectam pessoas.

Carol T. Moré – já escreveu posts no Follow the Colours.


Você também poderá gostar de:

Comentários