Caudex Studio

A cor é algo que afeta todos nós. Elas tem o poder de impactar diretamente o comportamento humano, seja para ativar algo ou nos acalmar. Pensando nisso, a WGSN trouxe em sua nova série chamada Expert Update, uma tendência que destaca os “tons nutritivos terrosos” (Nourishing Earth Tones). As cores seriam uma referência a seguir em frente, tendo maior impacto sobre os consumidores após o Covid-19. À medida que as pessoas buscam encontrar conexão na natureza para combater os efeitos do coronavírus, os tons encontrados no exterior ajudam a nos reconectar com ela. 

PALETA NUTRITIVA – TONS TERROSOS

Inspirar- se em viagens culturais, feiras, exposições, plataformas digitais e também materiais e objetos físicos inspira muito os projetos de cores da WGSN. A partir daí, a empresa selecionou algumas que são as mais relevantes para as estações do ano

Esta imagem no Instagram descreve os tons de terra nutritivos com o objetivo de “inspirar, acalmar e nutrir”. As quatro cores compartilhadas fazem parte de uma paleta maior criada em torno dessa história. Refletem o desejo de nos reconectar com a natureza e o exterior. O laranja tem algo quase mineral e vai em direção à terracota. Trigo dourado oferece uma atualização para um tom mais quente do que o bege clássico. O verde é como uma azeitona vibrante, que reflete as nuances exuberantes encontradas na natureza. O taupe tem um quê de marrom e cinza, mais para os tons quentes do cinza.

CORES RESTAURADORAS 

A paleta está muito longe de possuir tons agressivos conforme vimos nas tendências dos últimos tempos. A WGSN prevê que um clima em tons terrosos será importante para as pessoas que agora vivem em um mundo cheio de incertezas. Pesquisas crescentes mostram que temos um vínculo profundo com o meio ambiente e estar diante da natureza pode ter um efeito restaurador no corpo e na mente. Então, estar cercado por cores inspiradas na natureza faz você se sentir mais tranquilo e calmo para continuar vivendo neste mundo que se encontra cada vez mais desafiador

OS TONS DE TERRA NA MODA

Eles também vêm surgindo nas passarelas e no varejo. Temos assistido recentemente tons quentes mais para a terracota explodirem no mercado de moda feminina nos EUA. O verde se tornou muito popular e há uma variedade de tons “azeitonas” emergindo. O bege também aparece repetidamente na passarela devido à sua versatilidade e qualidade transacional. 

Exemplos de designers e marcas que usam algumas dessas cores em sua coleção são Burberry A / W 20/21, Rejina Ryo A / W 20/21, Tods A / W 20/21, Agnona Pre-Fall 20 e Adeam Pre -Queda 20.

New Balance 

Sfgirlbybay

O FUTURO DOS TONS TERROSOS 

A WGSN acredita que esses tons de terra são ricos e se tornarão mais prevalentes nas próximas temporadas, à medida que as pessoas procurarem cores mais autênticas e além das estações. O laranja continuará a mudar em uma direção – mineral mais rico. Cuidado com o verde, pois espera-se que essa cor cresça cada vez mais e até se torne saturada no futuro. O aumento do uso de corantes naturais na indústria da moda terá um impacto, influenciando a mudança para tons mais autênticos e menos sintéticos.

DE VOLTA AOS ANOS 70 NA DECORAÇÃO

Além do relatório acima, Ezz Wilson do site Sfgirlbybay trouxe uma questão bem interessante quanto a volta do uso dessas cores na decoração. Na década de 70, ferrugem, marrom, ocre e mostarda eram relíquias feias. Anos também cheios de tons psicodélicos, em sua pesquisa, ela encontrou algumas teorias e opiniões interessantes sobre como a psicologia, a sociologia e o clima político/econômico influenciam as tendências de cores

Durante esses tempos frenéticos e incertos, com muitas pessoas se cansado das mídias sociais e das notícias, faz sentido – o motivo pelo qual tantas pessoas estão se movendo em direção às cores mais naturais e terrenas, já que elas proporcionam uma pequena pausa do mundo. Acho que todos nós queremos um pouco de conforto e conexão com a terra nos dias de hoje, não? Então, já cuidou das suas plantinhas hoje?

Carol T. Moré é editora do FTC. Internet, café, todo tipo de arte, viagens e pequenos detalhes da vida a fazem feliz. Acredita que boas histórias e inspirações transformadas em pixels conectam pessoas.

Carol T. Moré – já escreveu posts no Follow the Colours.


Você também poderá gostar de:

Comentários