Mais um ano se passou e vamos combinar: 2020 foi atípico! Quem viveu essa pandemia foi arrebatado pelo isolamento social, quarentena, pela saudade dos amigos, parentes, dos momentos especiais, saudades da vida que chamávamos de “normal”.

E foi pensando exatamente nisso que surgiu essa ideia super inusitada do pessoal do Corre Elegante, que em parceria com a El Cabriton, disponibilizou agora suas estampas personalizadas em forma de camisetas para você presentear quem ama!

Você conta um momento especial que você quer que seja desenhado pelos artistas e estampado na camiseta e o desenho será feito por @iacizinha ou @zangadas_tatu ou @outromatheusmatheus de forma aleatória. Vem saber mais sobre esse super presente, nessa entrevista que fizemos com os artistas:

CORRE ELEGANTE, A PRIMEIRA STARTUP DE AMOR ONLINE DO MUNDO

FTC: Dá pra contar um pouquinho de quem são vocês e como surgiu a ideia do Corre Elegante?

A ideia começou com a Iaci, no início da quarentena. Ela é mãe solo e precisava arrumar algum trabalho, porque todos os freelas foram cancelados logo de cara com o confinamento. Aí ela fez um desenho escrito “quarentena com vc” e deu muito engajamento! Conversando com amigos, resolveu que ia fazer um correio elegante virtual, pelo insta: A pessoa encomenda o desenho, fala pra quem é e o desenho vira post no insta, com os @ marcados e tudo. A forma de contribuir era espontânea, no início. Cada um dava o valor que podia e achava que agregava. A demanda aumentou tanto que outros artistas começaram a participar com as ilustras, no perfil da iaci mesmo! Mesmo assim estava difícil de organizar, e Matheus e Thereza chegaram com a ideia do corre elegante, uma página só pra isso, com a Stella administrando os pedidos, com formulário e tudo organizado! E tamo aí, o confinamento diminuiu, mas não acabou, e o corre é uma ideia linda pra dar de presente em qualquer momento da vida! Já teve pedido de namoro, de desculpas, declaração de amor, despedida, registro de momentos deliciosos com os migos e as migas…

FTC: Do papel para as camisetas, qual foi o momento “AHA”, de passar a ilustrar camisetas personalizadas sob medida neste Natal, em parceria com El Cabriton?

A oportunidade está sendo legal demais! Partimos de um convite da El Cabriton, antes disso o único desdobramento que estávamos pleiteando era produzir algumas impressões. Apesar de ainda estarmos numa pandemia, a ideia de que as imagens vão circular por aí nos anima bastante! Acreditamos que as mensagens de amor estão fazendo muito bem para pessoas que estão há muito tempo sem se ver, aguentando esse ano que está tão difícil, e as mensagens em forma de presentes intensifica e materializa esse “recebimento de amor” tão necessário atualmente.

FTC: Como funcionam os pedidos de ilustrações?

No instagram do corre, a pessoa manda um pedido a partir de um formulário na nossa bio e faz o pedido. Pedimos que a pessoa envie informações e referências e isso vai de fotos pra ver a fisionomia de quem vai ser retratado até qual é o tipo de relação entre as pessoas ou qual é o tom da mensagem. A partir daí a gente produz a imagem, envia pra pessoa, se tiver alterações a gente ajusta e publica na data desejada! Em alguns casos o pessoal pede o arquivo em alta resolução pra imprimir em casa, ou então pede que enviemos já impresso, ou por fim, alguns pedem o próprio original do desenho. Esses casos têm preços diferentes e já está tudo relacionado no formulário.

Agora com a El Cabriton o processo é parecido, a pessoa compra no site da marca, responde essas questões, nos envia e fazemos a arte. Depois disso a marca estampa a camiseta e envia pra pessoa! É bem simples de pedir e é 100% personalizada, um presente bem legal.

FTC: Existe algum projeto/ilustra que marcou vocês?

Somos três pessoas desenhando e é inevitável a gente se envolver com os desenhos e as mensagens.

Nos pedidos da Iaci, logo no início da pandemia, tiveram correios-despedida de gente que faleceu, e foi bem emocionante fazer parte desse momento. No geral, fazer os correios é uma conexão imensa com a história de alguém, tudo tem muito sentimento envolvido. Ainda mais nesse ano doido, que tá todo mundo unido pela sensação de saudade.

No caso da Thereza, o que mais a emocionou foi o corre de uma mãe para a filha que mora fora que, apesar de ser um pedido super complexo, veio recheado de um carinho detalhista e cuidadoso que só as mães distantes de seus filhos sabem pensar – a ideia foi desenhar fases da vida da filha. Foi recompensador ver a enorme felicidade e gratidão dela ao finalizar o desenho.

Para o Matheus tiveram pedidos de namoro que pessoas fizeram com seus desenhos e que foram aceitos e isso é legal demais! Mas a que mais marcou foi uma imagem que ilustra um sonho de uma menina correndo com vagalumes. O pedido foi de uma amiga bem próxima que deu liberdade total pro desenho, então deu pra se envolver bastante com a imagem. Na imagem tem uma frase de uma música do Jorge Mautner, Lágrimas negras, onde ele diz que “belezas são coisas acesas por dentro”. 

FTC: Essa união em parceria com a El Cabriton trouxe algo para somar?

Sem dúvida! A possibilidade das imagens circularem é sensacional e a coisa da pessoa realmente vestir o corre é muito bacana.

FTC: E agora, o que vem pela frente?

O correio nasceu como uma demanda da pandemia e não é irônico dizer que a gente prefere que essa demanda não exista heheheh No entanto tivemos pedidos feitos e enviados para pessoas que moram juntas, e sobretudo os pedidos ainda acontecem mesmo com o famigerado relaxamento das pessoas em relação à reclusão da quarentena, então talvez as pessoas continuem transformando suas demonstrações de afeto em desenhos mesmo quando puderem estar perto umas das outras.

Mas, além disso, o projeto tem sido um grande laboratório de desenho pra gente e uma oportunidade de alcançar um público diverso com nossas imagens, então o que vem pela frente é certamente mais desenho!

FTC: Se pudesse fazer um corre elegante para alguém, o que escreveriam?

Nesse caso certamente cada pessoa que participa do correio tem um diferente. Matheus disse que faria um pra si mesmo mas que vale pra todo mundo, com o início de uma música do Gilberto Gil, Tempo rei, que diz “Não me iludo, tudo permanecerá do jeito que tem sido, transcorrendo, transformando…”. No desenho ele ainda não pensou. hahahah

Thereza disse que enviaria um corre para seus avós. Tem sido um ano tão difícil para eles. Já muito velhinhos, deveriam poder aproveitar esses últimos anos com muita convivência com a família e mais liberdade e bagunças boas e festas, mas tiveram que ficar mais reclusos e convivendo a conta gotas com os parentes de máscara. A sua ideia seria enviar um desenho para eles, mas eles não usam instagram, nem whatsapp, nem vestem t-shirts hahaha Mas quem sabe sai um desenho impresso um dia!

Já iaci, enviaria um correio para os pais dela. Passou o início da quarentena com eles, suas irmãs, filha e avó, que faleceu no meio do ano. Assim que a avó faleceu, todos voltaram para suas casas e ficou bem difícil encontrar. “A saudade tá enorme e tá bem difícil ficar confinada sozinha com filha desde então! Queria mandar uma mensagem para agradecer e dizer o quanto eles são importantes!”

Após você contar a história que quer ver desenhada, você receberá 2 camisetas com uma estampa feita sob medida para você. Um produto mega personalizado pela El Cabriton em parceria com o Corre Elegante! 

Fique tranquilo(a)! Todos os desenhos seguirão a linha de identidade visual do Corre Elegante (não sendo possível escolher quem vai fazer o seu, mas com o objetivo de espalhar MUITO amor). Saiba mais sobre a parceria Corre Elegante + El Cabriton e peça a sua aqui! 

Por mais afeto espalhado pelo mundo! <3

Carol T. Moré é editora do FTC. Internet, café, todo tipo de arte, viagens e pequenos detalhes da vida a fazem feliz. Acredita que boas histórias e inspirações transformadas em pixels conectam pessoas.

Carol T. Moré – já escreveu posts no FTCMAG.



Comentários