O Brasil já conta com diversas marcas artesanais criadas por pequenos produtores, em sua maioria mulheres, que se dedicam aos cosméticos naturais. Confira!  

Nossas escolhas podem ser atos políticos. Sejam elas ligadas a educação, comida, roupas, produtos de beleza ou outra coisa, dependendo das marcas que escolhemos, estamos reforçando alguma corrente.

Por isso, cada vez mais pessoas têm optado por comprar de pequenos produtores, porque prezam pelo trabalho artesanal e pela qualidade do produto final. Ao apoiar pequenas empresas, também podemos ter mais controle de onde vem aquilo que estamos comprando.

É muito comum falar de moda sustentável e comida orgânica, mas a área da beleza também tem a sua parte mais natural, e as alternativas a produtos industrializados são cada vez maiores graças a essas pessoas que se dedicam à alquimia do bem estar.

A preferência por produtos naturais e artesanais é um movimento muito forte (slowbeauty) atualmente, que reflete em maior consciência do ser humano, preocupação com a natureza e com si mesmo, com tudo o que consome e nos impactos que isso terá em seu próprio corpo e no meio ambiente, além de trazer de volta receitas tradicionais e menos tóxicas.

Valorizar o produto, o produtor e o ambiente

Comprar cosméticos naturais também é um aliado do consumo consciente, pois como eles não têm conservantes, sua duração é menor, nos obrigando a ter somente aquilo que vamos usar em breve, evitando desperdício e compras impulsivas.

Pesquisando, descobrimos que há alternativas legais a todo tipo de produto que usamos. Vale ressaltar que cada corpo é um corpo e às vezes um tipo de shampoo ou desodorante que funciona para uma pessoa não vai ser legal para você. Por isso, é importante testar produtos naturais, conhecer o seu corpo e permitir que ele se readapte e assim, encontrar a melhor escolha para você.

Além das grandes marcas que produzem cosméticos naturais, confira a nossa seleção de 4 pequenos produtores artesanais brasileiros:

COLD PROCESS – Saboaria natural 

O cold process ou processo de saponificação a frio é o método utilizado pelas saboarias naturais, como forma de atingir um produto 100% natural, preservando as propriedades de cada ingrediente de sua composição.

Isso é possível porque o processo não submete os produtos a altas temperaturas. O cold process também permite que a glicerina produzida pelo sabão fique nos sabonetes, ao contrário dos que são feitos de forma industrial, que têm a glicerina separada para ser vendida para a indústria de cosméticos e alimentos que a utilizam em outros produtos.

Essa técnica também dá mais autonomia para o produtor, que seleciona o que colocará em seus sabonetes, e para o consumidor, que tem transparência no que está comprando.

Marcas artesanais brasileiras que fazem cosméticos naturais de qualidade
1 – Sabon Sabon

Criada pelas amigas empreendedoras Anna Candelária e Paula Nobre, a Sabon Sabon tem como principal produto deliciosos sabonetes, feitos por meio da técnica de cold process.

Cada lote demora mais de um mês para ficar pronto, valorizando o processo artesanal e ingredientes naturais. Os óleos e manteigas são de origem vegetal e exceto pelo sabonete de mel, toda a linha é vegana. Além dos sabonetes, há shampoos em barra, esfoliantes e outros produtos deliciosos.

Nós escolhemos fazer os nossos produtos do zero. Não usamos nenhuma base ou mistura pronta. Nunca. Dessa maneira, podemos desenvolver produtos específicos para cada necessidade e ainda acompanhar cada um de nossos fornecedores de perto. Utilizamos óleos e manteigas de origem 100% vegetal, prensados a frio e não refinados. Inspiradas pela biodiversidade da Amazônia, privilegiamos o uso de óleos de espécies nativas com certificados orgânicos e obtidos de maneira sustentável. 

As embalagens são recicláveis, feitas de papel reciclado e montadas manualmente, com o mesmo cuidado e atenção aos detalhes que elas empregam na fabricação dos produtos.

Conheça toda a linha da Sabon Sabon pelo Instagram ou Facebook.

2 – Com Amor Florinda

Fabi Wan é a mulher por trás da Com Amor Florinda. Entre os seus produtos estão hidratante labial, esfoliantes, tônicos, pomada cicatrizante, grãos faciais, tinturas e extratos. Além dos cosméticos, a Com Amor também vende diferentes chás, como relaxante e digestivo, todos feitos com ingredientes naturais.

Este ano, a marca realizou em São Paulo um workshop de beleza natural em parceria com a Pulsa, e ensinou a fazer 4 produtos que foram customizados de acordo com as necessidades de cada participante. Demais né?

Conheça os produtos pelo site ou Instagram.

3 – Grön Handmade

A Grön, que significa verde em sueco, já tem o seu propósito no nome. A marca é mais voltada para a parte de banho mas também faz home sprays, todos veganos e produzidos de forma artesanal. Entre os produtos estão shampoos sólidos, mousse corporal, sabonete líquido, esfoliante, tônicos, demaquilante e argilas faciais.

No blog da marca tem um post bem legal sobre qual máscara é melhor para cada tipo de pele.

Veja mais produtos pelo site ou Instagram.

4 – It Balm

A It Balm é uma marca bem completa, com uma enorme variedade de produtos. Entre eles, lip balms, perfumes sólidos, desodorantes, ceras nutritivas para as unhas, sais de banho, esfoliantes, velas para massagem e óleo para barba.

Há também uma linha de acessórios com necessaires fofas e discos de crochê, que são reutilizáveis e substituem o algodão tradicional.

Confira toda a lista de produtos no site.

Outras marcas legais de cosméticos naturais: Origem, Be.Or, Gentil Saboaria, Realindo, Fefa Pimenta e Nii Atelier.

Se você quiser se aprofundar no universo de beleza natural, recomendamos acompanhar o trabalho da Fê Canna, que tem uma newsletter dedica ao assunto. Outras dicas são os grupos Um Ano sem Lixo”, da Cristal Muniz, que escreve o blog homônimo e realizou workshops de beleza natural este ano e “Cosméticos orgânicos e naturais”, no Facebook, além dos sites Review (Slow Living)Modefica que sempre trazem inspirações e discussões sobre o tema.

Fonte/Imagens: Divulgação das marcas e Off Beat and Inspired.

Mariana é jornalista e comunicadora. Adora descobrir novos lugares, explorar a cidade a pé e andar sem pressa. Se interessa por viagem, cultura e tudo o que é novidade. Escreve um blog sobre meio ambiente, sustentabilidade e consumo consciente. Também se dedica a cozinhar, como forma de prazer e arrisca novas receitas no tempo livre.

Mariana – já escreveu posts no Follow the Colours.


Você também poderá gostar de:
Comentários