follow-the-colours-vanessa-kinoshita-ilustracao-design-01

Meio japonesa, meio brasileira, Vanessa Kinoshita é nascida e criada em Salvador, na Bahia. Fez 26 anos este ano e mora em SP há 4 invernos. Designer e ilustradora, foi pela profissão e simpatia que veio para a cidade que tira seu sono, mas ao mesmo tempo a faz sonhar com o futuro.

Vanessa começou a ilustrar profissionalmente há mais ou menos dois anos, quando conseguiu se estabilizar na cidade louca, e pode investir mais no meu próprio trabalho. Já trabalhou na Folha de S. Paulo, na revista Saúde, na Vida Simples e atualmente está na Playboy, da editora Abril.

Seu primeiro contato foi com a aquarela, mas sempre gostou de testar materiais e tintas como ecoline, tinta carvão, giz e diferentes tipos de pincéis. O legal foi testar tudo isso aplicado à tipografia feita à mão livre, principalmente porque, como autêntica geminiana, é muito curiosa e apaixonada por novidades. Tanto que está sempre atrás de workshops ligados à arte, como os de caligrafia e aquarela, que foram essenciais para que pudesse ter um trabalho mais autoral e desenvolver uma técnica própria.

Vanessa diz que trabalhar na Vida Simples a influenciou muito também. Os temas da revista sempre fazem ela questionar muito e rever todos os sentidos dos sinais ao seu redor. Com isso, acreditou mais no seu potencial e na sua vontade de fazer algo que lhe agrada, o que foi mais importante no início.

E diz: “Ninguém sabe das nossas batalhas, das nossas dificuldades e vitórias, então essa experiência só me trouxe mais empenho e um sentimento de liberdade para ser quem sou e fazer o que acho ideal. E quando você faz algo que realmente sente prazer, fica tudo mais gostoso, mais leve e isso se reflete no jeito que as pessoas percebem seu trabalho, o que é o mais incrível.”

Conversamos com a artista para saber um pouco mais sobre suas inspirações:

follow-the-colours-vanessa-kinoshita-ilustracao-design-11

FTC: Você se dedica somente a esses projetos hoje? Conte um pouco sobre isso!

Me dedico aos meus dois empregos (risos): ao meu trabalho pessoal que são minhas ilustrações e hand letterings e o meu trabalho como designer na Playboy. SIM, SIM, SIM, vejo mulher pelada o dia todo (risos). Eu comecei na Playboy há pouco tempo, e tá sendo beeeeeeem legal ter essa experiência, principalmente pelo conhecimento mais profundo em fotografia e ensaio nu, o que é bem difícil de se fazer e editar.

Quanto ao meu ooooutro emprego (risos), durante a semana fico encubando ideias e idealizando projetos, assim, coloco a mão na massa nos tempos livres e nos finais de semana!

Esse momento pra mim, é impagável, é um momento meu, um lazer, um exercício pra mente, pra sair da caixinha, sabe? Um momento só comigo, e que na maioria das vezes ouço músicas deliciosas e me inspiro infinitamente no que estou sentindo. 

follow-the-colours-vanessa-kinoshita-ilustracao-design-2

FTC: Seu trabalho é caracterizado por um mesmo estilo. Como você define a sua arte? 

Eu me vejo na arte que eu faço. Eu tento reproduzir essa atmosfera de inspiração, liberdade e experiências alegres. Eu gosto disso na minha vida. De gente interessante, de gente inspiradora, de respirar um ar leve e vestir roupas coloridas. Tento retratar isso, mesmo que inconscientemente no que faço.

Tento encaixar tudo isso no meu dia a dia, porque acredito muito que a vida é o agora, e os sentimentos que temos dentro de nós têm de ser respeitados. A vida é uma troca e será que estamos oferecendo ao mundo o que queremos receber de volta?

follow-the-colours-vanessa-kinoshita-ilustracao-design-09

FTC: Com o que você se inspira?

Com arte: música, fotografia, design e Pinterest <3

follow-the-colours-vanessa-kinoshita-ilustracao-design-3

FTC: Qual a sua cor favorita e por que?

Eu gosto muito do Vermelho Bordeaux. É uma cor que exala paixão, intensidade e mistério. Uma cor que sugere mas que não revela.

follow-the-colours-vanessa-kinoshita-21

FTC: 3 sites que definem um pouco de você.

O Pinterest, o Google (risos) e o meu Instagram, que é onde tem muito de mim <3

follow-the-colours-vanessa-kinoshita-ilustracao-design-6

FTC: Uma frase que vc carrega para a vida

“E aqueles que foram vistos dançando foram julgados insanos por aqueles que não podiam escutar a música.” – Friedrich Nietzsche. Minha frase pra vida.

follow-the-colours-vanessa-kinoshita-ilustracao-design-7

FTC: Se fosse criar algo para o FTC, o que faria?

follow-the-colours-vanessa-kinoshita-20

No Facebook: Vanessa Kinoshita. No Instagram: @japadesign.

Carol T. Moré é editora do FTC. Internet, café, todo tipo de arte, viagens e pequenos detalhes da vida a fazem feliz. Acredita que boas histórias e inspirações transformadas em pixels conectam pessoas.

Carol T. Moré – já escreveu posts no FTCMAG.



Comentários