A palavra vem do grego e significa “terra queimada”, mas o jeitinho de fazer pode ser cheio do charme brasileiro. Encontradas em escavações arqueológicas, as peças de cerâmica acompanham a história da humanidade e inclusive alguns estudiosos afirmam que é a mais antiga das indústrias.

No momento em que o homem começou a utilizar o fogo para criar peças até os cobogós dos anos 50, foi muita “terra queimada” para chegar a diferentes formas e resultados. E com tanta cerâmica rolando por aí, a gente que é brasileiro (e não desiste nunca) jamais poderia ficar de fora das novidades.

Entretanto, muitos ainda confundem o que é cerâmica, o que é porcelana, entre outras técnicas artesanais. Antes de tudo, vamos explicar: a cerâmica é o elemento puro da argila, sem adição de muitos outros componentes, e pode receber esmalte.

a porcelana foi inventada pelos chineses graças à descoberta do caulim; um mineral de cor branca. A porcelana é uma variedade da cerâmica, porém se distingue pela sua vitrificação, transparência, leveza, resistência e, principalmente, por não ser porosa, ou seja, ela não absorve água ou resíduos de alimentos. Basicamente, as matérias-primas da porcelana são: argila, quartzo, caulim e feldspato.

Selecionamos 10 marcas/artistas brasileiras que criam peças fantásticas exclusivamente em cerâmica. Tem para todos os gostos: seja em estilo mais tradicional ou contemporâneo, você vai conhecer e se apaixonar. Confira:

1 – Miriam Brugmann

Miriam Brugmann é nascida em Córdoba, na Argentina. Também conhecida como Miru, a talentosa artista é formada em Artes Plásticas. Famosa por suas cerâmicas de estilo único, principalmente os vasinhos de animais, hoje ela também cria inúmeras peças ilustradas em seu ateliê no Rio de janeiro, local que escolheu morar.

Miru conta que começou a trabalhar com cerâmica na faculdade, mas seu talento se desenvolveu por ser autodidata e curiosa, e sempre continuar em busca de aprender coisas novas. Os simpáticos produtos da artista ganham vida e cores através da argila. São bichinhos coloridos, bules, luminárias, pingentes, pratinhos e até animais inventados por ela. Um universo lúdico e incrível!

Acompanhe Miriam no Facebook e no Instagram.

2 – Danielle Yukari

Artista manual em cerâmica, tricô, crochê, bordado e vestimenta, Danielle Yukari é formada em Desenho de Moda pela Faculdade Santa Marcelina, trabalhou como estilista e, desde 2014, concentra a sua produção em materiais cerâmicos com o projeto Yūkari, em que desenvolve utilitários, acessórios e objetos a partir de memórias e inquietações do cotidiano.

Cada peça é única, torneada individualmente e esmaltada à mão. Todas são queimadas em alta temperatura, garantindo maior durabilidade para o uso cotidiano. O uso das cores e texturas no trabalho de Danielle é fantástico e contemporâneo.

Acompanhe Danielle no Facebook e Instagram.

3 – Cerâmica Design

Com mais uma história de amor pela cerâmica, a artista Bárbara Zacchi transformou o seu hobby em negócio. A designer que antes trabalhava criando sites, decidiu se dedicar e se conectar com novos materiais entrando de cabeça na criação de produtos em cerâmica.

Seus objetos são inspirados na infância, como jogos de vídeo game e esculturas de aviões de papel, e buscam sempre arrancar sorrisos das pessoas. Ao conhecer a Cerâmica Design você poderá se divertir com vasos suspensos em formato de rosto, porta vela de fantasma ou com difusores de carro que imitam peças de quebra-cabeça.

Acompanhe a Cerâmica Design no Facebook e Instagram.

4 – Ceramicaria

A marca da Flávia conta com várias peculiaridades além do cuidado e atenção aos detalhes de cada peça. Vegana, todos os produtos do ateliê são feitos somente com matéria prima mineral, além disso, ela mesma é a responsável por produzir os esmaltes utilizados.

O principal objetivo da Flávia é que seus objetos tenham histórias e criem uma identidade afetiva, entregando para os clientes objetos únicos e exclusivos. E quando a gente pensa em identidade afetiva o que surge rapidamente? Isso mesmo, casamento! A Ceramicaria produz topos de bolos lindos, porta alianças e outras coisas incríveis para diversas ocasiões, como vasinhos, cumbucas, petisqueiras e até difusores de ambientes.

Acompanhe a Ceramicaria no Facebook e no Instagram.

5 – CumbucaChic

Todas as peças da CumbucaChic são feitas à mão por Priscilla Ramos. Natural de Campinas, São Paulo, Priscilla é formada em Artes Visuais e mestre em Artes (História da Arte). Desde o início da graduação, Priscilla adotou a cerâmica e a modelagem como meios de expressão principais. Em 2010, mudou-se para São Paulo onde aprendeu técnicas de torno.

Paralelamente, pesquisou e aprimorou a técnica do slipcasting, na qual moldes de gesso, criados artesanalmente pela própria artista, são preenchidos com barbotina (argila líquida) para dar origem a objetos de arte e peças utilitárias e decorativas. Aliando estas diferentes técnicas de cerâmica e escultura – o torno, a modelagem, o slipcasting e o press molding – a artista passou a desenvolver trabalhos em que peças diversas são coladas para formarem composições.

As peças de Priscilla como os vasinhos de raposas, baleia, capivara, colares, fazem muito sucesso por aí! Além disso, Priscilla cria outras bijoux, pratos, saboneteiras, canecas, garrafas e muito mais.

Acompanhe a CumbucaChic no Facebook e no Instagram.

6 – Boitatá Cerâmica 

Daniélle Carazzai tem um ateliê (Boitatá Cerâmica) em Campo Largo, Paraná, e cria especialmente peças contemporâneas modeladas à mão ou por meio de moldes que ela mesmo faz. Sua linha de produtos é bem clean, quase minimalista, e tem a intenção de expressar os elementos da Terra (a argila, o fogo, a água e o ar) e o mundo ao nosso redor por uma visão bem particular, mas ao mesmo tempo, universal.

As principais inspirações de Daniélle vêm da natureza (já que ela e o marido moram em uma área rural), da arquitetura e das múltiplas formas de comunicação/linguagem (ela é jornalista também). Entre suas peças estão lindas tigelas, esculturas, xícaras, porta-filtros para café, luminárias, vasos e muitas outras lindezas.

Acompanhe o Estúdio Boitatá no Facebook e Instagram.

7 – Olive Cerâmica

Formada em publicidade em 2010, Sofia Oliveira descobriu a cerâmica quatro anos após a faculdade com a ceramista Sara Carone, em São Paulo. Durante um curso de Raku com a ceramista Sylvie Robert em Yves, na França, se encantou com o trabalho do mestre oleiro Augusto Tozzola, com quem se profissionalizou. Depois, Sofia foi estudar na escola ATC (Arts et Techniques Céramiques), em Paris, com os ceramistas Grégoire Scalabre e Christophe Bonnard. Desde então não parou.

De volta ao Brasil criou a Olive Cerâmica no segundo semestre de 2015. O projeto de objetos feitos à mão começou com vasos e logo se expandiu para utilitários. De lá pra cá, Sofia desenvolveu sua marca e participou das principais feiras de São Paulo. Hoje, além de criar para a Olive, ela também dá cursos. Seu produtos podem ser encontrados em sua loja online e no ateliê em Pinheiros, além de lojas de São Paulo, Rio de Janeiro e Paris.

Acompanhe Olive no Facebook e Instagram.

8 – Renata Miwa

Renata Miwa se interessou por cerâmica em 2013 quando estudou na escola de cerâmica Choplet em Williamsburg, Nova York. A artista multidisciplinar passou o inverno americano aprendendo a trabalhar com torno e handbuilding e fazendo suas primeiras experimentações com esmalte.

De volta ao Brasil, ficou um tempo parada e apenas em junho de 2015 retornou às aulas de cerâmica em São Paulo. Hoje, ela cria peças lindas e utilitários com suas ilustrações “impressas” em cerâmica e as vende em feiras itinerantes para pequenos produtores, como Jardim Secreto, Fêra Féra, além de sua loja virtual.

A sua busca é usar a argila como suporte para seus trabalhos de ilustração. Ela cria pratos, cinzeiros, vasos e azulejos exclusivos ilustrados!

Acompanhe o trabalho de Renata no Facebook e Instagram.

9 – Patrícia Freitas

Em 1997, Patrícia Freitas se apaixonou pela arte em cerâmica em Porto Seguro após conhecer o trabalho do artista Calazans. De lá pra cá, fez cursos de especialização e em diferentes ateliês da cidade e do interior de São Paulo.

Hoje, Patrícia possui seu próprio ateliê, que fica na cidade de Americana, onde ela confecciona peças que mesclam a rusticidade da cerâmica com cores delicadas ou vibrantes. Seus objetos são cheios de criatividade! A ceramista cria desde vasos, descansos de panelas em formato de cacto, até porta-aliança para inovar na hora do casamento.

Acompanhe Patrícia Freitas no Facebook e Instagram.

10 – Patrícia Carvalho

Mais uma Patrícia para a lista e cheia de bom gosto! Sendo guiada pelas mãos da ceramista Frieda Durien, Patrícia Carvalho conheceu o torno (peça giratória para modelagem) com Alice Felzenswalb, e o Raku (técnica de cozedura e pós cozedura) por meio de Sylvia Goyanna e Doni Gonçalves.

Hoje, ela transformou o hobby em um trabalho em tempo integral e criou o ateliê. Além das peças decorativas e utilitários, também realiza a técnica de fotocerâmica onde (como o nome já diz) a fotografia é reproduzida na cerâmica trazendo um resultado surpreendente e criativo. Suas peças são delicadas e atemporais.

Acompanhe Patrícia Carvalho no Facebook e Instagram.

Gostou das sugestões? Ficou animado para conhecer mais sobre a arte em cerâmica ou até explorar um novo hobby? Conta pra gente nos comentários! Ah, e aproveite para explorar tudo sobre o assunto neste board do Pinterest do FTC:

 

Bárbara Miranda é Publicitária, Cool Hunter e a doida dos projetos DIY (anos de terapia Junguiana não ajudaram nisso). Coleciona sementes de flor, recortes de revista e neologismos. Nas horas vagas joga tarô e faz mapa astral (se Mercúrio não estiver retrógrado na casa 8). Ama Guimarães Rosa e o DVD Especial Katinguelê 25 anos.

Bárbara Miranda – já escreveu posts no FTCMAG.



Comentários