A principal ideia do projeto Rubbish Café era fazer as pessoas refletirem a respeito de embalagens descartáveis. 

Com o intuito de estimular as pessoas a refletirem em relação ao uso de plástico e materiais não-recicláveis, um empresário teve a ideia de criar um conceito diferente de cafeteria. No começo do mês de maio/2018, durante dois dias, moradores e turistas em Londres puderam trocar resíduos plásticos por comida.

O Rubbish Café é uma loja pop up, criada pela empresa Ecover, que quer fazer as pessoas repensarem o valor do seu lixo. Para isso, quem fosse à loja em Londres, no bairro de Covent Garden, poderia trocar embalagens plásticas por um refeição “gratuita”. Na verdade, aqui, a moeda foi a troca do plástico pelo alimento.

“Eu acho que o problema com plásticos descartáveis é que criamos algo que dura anos e anos no meio ambiente e que não tem mais valor para as pessoas. Nós queremos questionar a cultura de dispositivos de uso único e descarte”, disse Tom Domen, líder de inovação global da Ecover, em vídeo para o Now This.

Todo o menu lixo-zero foi criado pelo chef Tom Hunt, conhecido por trabalhar com alimentos naturais e de forma a evitar qualquer desperdício de alimento. Já a decoração do ambiente ficou por conta de MaxMcMurdo, que trabalha com técnicas de upcycling, reutilizando materiais que já existem, dando um novo significado a eles.

O café também deu dicas aos clientes em relação à reciclagem e como diminuir sua produção de lixo. Muitos descobriram que pouca coisa do que eles levavam ao local era de fato reciclável, em torno de 20% a 50% do total das embalagens. Algumas pessoas começaram a questionar por que algum material não era reciclado e se comprometeram a cobrar umas resposta das empresas.

A Ecover é uma empresa belga de produtos de limpeza naturais, criada em 1979, que tem uma meta de até 2020, usar 100% de plástico reciclado em suas embalagens. Hoje, ela já trabalha com uma embalagem para seu sabão líquido feita 100% de plástico pós-consumo reciclado e que é 100% reciclável.

A empresa também trabalha com plásticos retirados dos oceanos, mas estuda o uso de novos materiais biodegradáveis, para que não precise utilizar plástico. Além disso, planeja implementar um sistema de refil de seus produtos nos principais supermercados do seu país.

A ideia é que o Rubbish Café, que pode ser traduzido livremente como ‘Café Lixo’, rode diversas cidades da Europa e do Reino Unido, levando conscientização e reflexão a respeito de como lidamos com o lixo descartável e o que pode ser feito para diminuir o uso desse material.

Saiba mais sobre a iniciativa do Rubish Café aqui.

Via.

Mariana é jornalista e comunicadora. Adora descobrir novos lugares, explorar a cidade a pé e andar sem pressa. Se interessa por viagem, cultura e tudo o que é novidade. Escreve um blog sobre meio ambiente, sustentabilidade e consumo consciente. Também se dedica a cozinhar, como forma de prazer e arrisca novas receitas no tempo livre.

Mariana – já escreveu posts no Follow the Colours.


Você também poderá gostar de:

Comentários