Os mistérios e a história do Egito Antigo estão mais próximos do que imaginamos, graças à um tour digital criado pelo Departamento de Turismo do Egito. Manobra espertíssima em tempos de maiores dificuldades para viajar, como está sendo 2020.

Enquanto visitar (literal e presencialmente) o Vale dos Reis continua limitado, egiptólogos e curiosos podem admirar hieróglifos e decorações da tumba do grande faraó Ramsés VI através de uma visitação em 3D.

Por dentro da tumba de Ramsés VI

QUEM FOI RAMSÉS VI

Ramsés VI foi o quinto faraó da 20º Dinastia do Egito Antigo, fruto da relação do faraó Ramsés III com a rainha Iset Ta-Hemdjert.

A tumba KV9, famosa por ser a mais sofisticada do Vale dos Reis, possui mais de 100 metros de extensão e tem o teto ricamente pintado com tema celeste e descrições de lendas e deuses egípcios. O sarcófago de Ramsés, restaurado em 2004, está disponível para visitação assim como mais 250 peças que foram encontradas dentro da tumba. Vale a pena conferir!

KV9, A TUMBA DE RAMSÉS VI

Para os viajantes que chegam ao Egito antigo, a tumba de Ramsés VI é, provavelmente, a mais bem conservada e ornamentada do Vale dos Reis. Em tempos antes do Coronavírus, para visitá-la, um ticket custaria cerca de 100 libras egípcias (valores em Dezembro de 2019). Para fotografar, é necessária a aquisição de mais um ticket (no valor de 300 libras egípcias) para tirar fotos com câmera em 3 tumbas à sua escolha. Fotos com celular são liberadas. 

As pinturas são magníficas e a estrutura se mantém original. O difícil acesso se dá através de um corredor íngreme. Por ser muito grandedetalhes desde a entrada. Impossível não se impressionar.

Faça o tour completo aqui.

Para saber mais, você também pode dar uma volta virtual em vários outros monumentos locais como a coleção de Tutankhamon no Museu Egípcio, pelo Palácio Al-Manasterly com vista para o Nilo e o Nilômetro, a Tumba de Ty e mais. 

Jornalista, pós-graduanda em Práticas Contemplativas e Mindfulness pela PUC-Rio. Aquariana, viciada em café e podcast, acredita na humanidade mas tem fortes dúvidas sobre Deus.

Gabriela Pimenta – já escreveu posts no Follow the Colours.


Você também poderá gostar de:

Comentários