follow-the-colours-dedique-um-cartao-lara-dias-01

Foi através do Instagram que conhecemos Lara Dias e o Dedique um cartão. Gostamos muito da ideia e logo perguntamos para ela sobre o projeto e suas inspirações. Nada melhor do que a própria autora para explicar do que se trata:

“O Dedique um Cartão são meus pedacinhos de papel com coisas que gostaria de dedicar às pessoas especiais da minha vida. Queria entregar um cartão com sentimentos literais e ilustrados. Porque é legal desejar “Próspero Ano Novo” e “Boas Festas” mas e se você fosse mais objetivo e sugerisse “Mais Vinho, Menos Coca-Cola”? Ou convencesse aquele amigo de largar o Whatsapp porque “pessoalmente é bem mais instantâneo” e um abraço é sempre bem vindo?

Sugerir a quem está levando a vida muito a sério, que “alivie a gravidade” porque leveza é elementar, meu caro Watson. E se a gente pudesse distribuir saquinhos de “infinito imaginário” pra quem tem muita vida e pouco tempo? Por último, um desejo universal. Coragem para ir a mar. É que de vez em quando a gente se sente meio barquinho de papel no tsunami e só precisamos mesmo de um “Pote de Fé”.

Talvez você se identifique. Talvez tenha alguém para quem dedicar uma mensagem. E eu adoraria saber a sua história.”

Nascida em 92, Lara já fez planos de ser bailarina, veterinária, arquiteta e repórter de viagem, tipo a Glória Maria nos tempos de Fantástico. E seria tudo ao mesmo tempo.

Largou o ballet clássico quando enjoou de rosa claro e esparadrapos enrolados em todos os dedos do pé. Diz que não tem vocação para curativos. Guarda apenas a vontade reprimida de ter um, dois ou nove cães em sua casa. Os bichos mais exóticos fizerem desistir da veterinária bem cedo.

Começou a desenhar em 2008, nos cadernos da escola. Mais precisamente, nas aulas de matemática, o que lhe rendeu 2 recuperações naquele ano.

Como arquiteta (e decoradora) construiu belas mansões no The Sims. O tempo passou, ela prestou vestibular para Jornalismo e fez estágio em uma revista. Foi lá que viu que era apaixonada não só por ler, mas por ouvir histórias, conhecer pessoas e escrever sobre elas. A revista fechou e ela ficou sofrendo por um bom tempo achando que todos os planos da infância tinham ido por água abaixo.

Agora persiste na missão de ser  jornalista. Nesse meio tempo, começou a compartilhar os desenhos que guardava na gaveta. A internet tem ajudado a espalhar o seu talento e ela  segue escrevendo e rabiscando no papel, agora também sob encomenda.

follow-the-colours-dedique-um-cartao-lara-dias-06

FTC: Como surgiu o Dedique um Cartão?

Surgiu de madrugada, depois que eu já tinha dado boa noite à todos, me acomodado na cama, apagado a luz e fechado os olhos. É sempre assim que eu tenho as melhores e piores (!) ideias. Só que dessa vez, acendi a luz de novo e escrevi num papel alguma coisa assim: “Ilustrar sentimentos. Cartões”. E fui dormir de novo.

Me esqueci disso mas aí chegou dezembro, datas especiais e refleti que a gente só para pra escrever um cartão de aniversário, de Natal ou Ano Novo. Às vezes, enviamos postais quando estamos viajando ou morando longe. A internet encurtou o caminho das cartas e geralmente, listamos um monte de coisas boas e vitais como felicidade, amor, saúde e paz e basta um clique para fazer chegar todos os nossos votos ao destinatário.

Só que eu queria receber mais cartas enviadas pelo correio. Queria escrever e entregar mais cartas também. E por acreditar que esse não era um desejo só meu, reuni os meus sentimentos com essa série de 5 ilustrações e estou tentando convencer as pessoas a fazer o mesmo.

follow-the-colours-dedique-um-cartao-lara-dias-02

FTC: Com o que vc se inspira?

Eu me inspiro com tudo que é vida, com tudo que me cerca. Gente de todo tipo, livros, músicas, centro da cidade e caos urbano, buzina, praia, mar, campo e silêncio. A inspiração é um exercício diário de observação e interpretação pessoal. Até quando durmo, posso estar me inspirando com algum sonho esquisito.

follow-the-colours-dedique-um-cartao-lara-dias-10

FTC: Quais são os 3 sites que você mais adora visitar?

Eu abro o Pinterest sempre que posso e aquilo é um tesouro infinito! Mas tenho os meus endereços preferidos também: A Beautiful MessHypeness e Society6.

follow-the-colours-dedique-um-cartao-lara-dias-05

FTC: Como as cores influenciam a sua vida e suas ilustras?

Eu não sei exatamente como é o processo psicológico disso, mas as cores influenciam o meu humor drasticamente e tudo que eu ilustro. Pra me ajudar, comprei um livro que teoriza sobre isso com base em pesquisas de opinião. Chama ‘A Psicologia das Cores’, da Eva Heller, Editora GG. Consulto muito pra ver se faz sentido usar determinada cor pra traduzir uma encomenda, por exemplo. Mas não é um guia, só um bom argumento. A coisa é meio intuitiva mesmo.

follow-the-colours-dedique-um-cartao-lara-dias-08

FTC: Qual é a frase que você leva pra sua vida?

When the going gets weird, the weird turn pro“, Hunter S. Thompson. Que é mais ou menos aquele sentimento estranho de ter uma ideia de madrugada, colocar no papel, fazer uma foto de celular e tempos depois enviar encomendas pra Recife, SP, Fortaleza e BH. Acredito que exista um instante de clareza que faz você entender que esse sentimento tão feliz de fazer alguma coisa com carinho, com paixão mesmo, pode ser o seu “trabalho”.

No fim das contas, o trabalho tem que ser mais que uma fonte de renda que vai virar viagens, jantares legais e sei lá, uma roupa que te faça sentir mais bonita. Ele tem que te fazer acordar todo dia na pilha pra responder mais um e-mail e marcar reuniões demoradas também.

follow-the-colours-dedique-um-cartao-lara-dias-07

FTC: Se vc pudesse dedicar um cartão para apenas uma pessoa, qual seria a mensagem?

Acho que a mensagem mais universal que eu dedicaria a uma pessoa é essa: Coragem Para Ir A Mar. Não importa quem você é. Todo mundo se sente meio barquinho de papel navegando num mar bem agitado e maluco na vida. E precisamos mesmo de muito amor pra encarar essa aventura, todo santo dia. Mas pode ser também coragem para amar uma pessoa e permitir esse amor de volta. Um pouco de romantismo brega não faz mal à ninguém.

follow-the-colours-dedique-um-cartao-lara-dias-09

FTC: Se fosse dedicar um cartão para o FTC, como seria?

Seria mais ou menos assim:

follow-the-colours-dedique-um-cartao-lara-dias-03

Adoramos a ideia! Que tal se inspirar e compartilhar também os seus sentimentos, desenhos e palavras com a hashtag #dediqueumcartao?

follow-the-colours-dedique-um-cartao-lara-dias-04Foto por Carlos Hauck.

Você pode comprar a série de cartões de Lara pelo O ARCO – por R$30 (frete grátis para todo o Brasil) > aqui.

Siga Lara no Instagram, no Pinterest e no Vimeo.

Carol T. Moré é editora do FTC. Internet, café, todo tipo de arte, viagens e pequenos detalhes da vida a fazem feliz. Acredita que boas histórias e inspirações transformadas em pixels conectam pessoas.

Carol T. Moré – já escreveu posts no Follow the Colours.


Você também poderá gostar de:

Comentários