É possível planejar um ambiente de trabalho de acordo com o sentimento que queremos que ele desperte em nós

A psicologia das cores estuda as sensações provocadas pelas combinações de tonalidades. O trabalho vai muito além de classificar o significado de cada tom: busca, principalmente, entender as interpretações que o cérebro humano faz em relação a eles.

Com essas definições é possível planejar ambientes de acordo com o sentimento que queremos que ele desperte em nós. Uma pesquisa encomendada pela AkzoNobel, detentora da marca Coral, mostrou que 73% dos entrevistados brasileiros acreditam que as cores transformam não só ambientes, mas também a sensação que eles despertam. Ainda segundo o estudo, 71% acha que repintar a casa é uma maneira de ter um novo começo depois de uma experiência ruim.

Porém, a sensação proveniente das cores não se limita apenas aos ambientes de nossa casa, mas também no trabalho. A equação cores e ambiente de trabalho é fundamental para quem busca um espaço corporativo tranquilo, estimulante, que contribua positivamente para a criatividade e que afaste qualquer sintoma de estresse ou exaustão.

Colaboradores e gestores costumam ficar no mesmo ambiente durante 8 horas por dia, cinco dias por semana, no mínimo. Por isso, investir nas cores certas é investir também no bem-estar e saúde mental do grupo, e além disso, influenciar diretamente na produtividade da equipe.

Dados de consumidores fornecidos pelo portal GuiadeBemEstar mostram que além da preocupação com a ergonomia, que oferece conforto e métodos de prevenção a acidentes, a decoração, espaços arejados e coloridos também são fatores considerados importantes para os trabalhadores preocupados com o bem-estar.

Para te ajudar a escolher as cores certas para despertar a sua produtividade e/ou de sua equipe, separamos alguns tons e seus significados.

AMARELO

O amarelo está ligado à criatividade. Além disso, é dito que tem conexões diretas com as emoções, ego e otimismo. Suas características podem incentivar a coragem de mudar, de propor soluções criativas no cotidiano. Usar a cor em ambientes de criação pode ser uma boa ideia.

cores ambiente de trabalho

VERDE

A cor verde e suas tonalidades estão relacionadas às noções de equilíbrio, calma e segurança. Indicado para ambientes onde ocorrem transações comerciais frequentes ou reuniões de negócios.

AZUL

Conhecido como a cor mais produtiva, o azul tem conexão com a mente e com produção de resultados. Também é ligado a uma noção de seriedade e profissionalismo.

VERMELHO

O vermelho estimula o corpo, o físico. Atividades ligadas ao físico e material são incentivadas pela presença da cor. Para espaços de trabalho onde a ação é prioridade, escolha o vermelho.

A COMBINAÇÃO FAZ A DIFERENÇA

Ambientes coloridos podem ser o diferencial do seu time. Utilize a cor certa em cada setor e desperte a melhor versão dos funcionários de cada área. Para não ter uma mistura muito grande de cores vale apostar em tons frios e quentes.

Os tons frios têm o poder de levar tranquilidade e harmonia aos ambientes. Já as cores quentes têm o poder de deixar o ambiente de trabalho menor e provocam e/ou estimulam mais a mente.

Carol T. Moré é editora do FTC. Internet, café, todo tipo de arte, viagens e pequenos detalhes da vida a fazem feliz. Acredita que boas histórias e inspirações transformadas em pixels conectam pessoas.

Carol T. Moré – já escreveu posts no Follow the Colours.


Você também poderá gostar de:

Comentários