Vasos R2-D2 / Star Wars

O concreto saiu das construções e tomou conta da decoração. Não é difícil vermos inúmeras marcas trabalhando com o material de diversas formas dando vazão à criatividade. Mas uma em especial nos chamou a atenção recentemente por trabalhar de uma maneira completamente diferente e lúdica, a Lab07.

A Lab07 é um estúdio que traz criações em concreto cuidadosamente feitas à mão com inspirações da cultura pop e geek, que conectam pessoas às emoções positivas, uma vida mais feliz e de bem estar. A marca também fala sobre arte, design, decoração, cinema, séries e quadrinhos. A ideia nasceu como uma forma de encontrar bem estar no dia-a-dia corrido do casal Maycon Benavides, publicitário, e do designer, Rodrigo Auada. Os dois acreditam na cocriação e que cada produto é um objeto único e pessoal.

Fomos conversar com os criadores para saber um pouco mais de onde veio toda a inspiração, vem com a gente:

Turma da Mônica 

Vaso Coração 

ENTREVISTA LAB.07

FTC: Queria que vocês contassem o que faziam antes/quem são/e como surgiu a Lab.07! 

Somos um casal, eu sou o Maycon, publicitário, e meu namorado é designer, chama Rodrigo. O Rodrigo trabalha praticamente em dois empregos, estuda a noite, e eu também trabalho todos os dias até bem tarde, ambos sem muito tempo para qualquer outra coisa. Mas queríamos encontrar brechas pra fazer algo que relaxasse a mente.

O Rodrigo começou a me mostrar vídeos-tutoriais de como produzir os vasos de concreto. É um estilo de decoração que a gente gosta, industrial, minimalista, e de início não era um negócio, queríamos fazer para nossa própria casa. Gostamos muito de quadrinhos, heróis, e começamos a pintar com essa temática.

Os amigos viram e começaram a pedir, encomendar, cada um com um personagem que mais se identificava, que tinha algum apelo da infância ou mesmo da “adultez”.

Coringa e Batman 

Por isso dizemos que acreditamos na cocriação e que cada produto é um objeto único e pessoal. Logo virou um negócio. Então criamos uma marca e comecei a gerenciar um perfil no Instagram e os pedidos só aumentaram.

O ponto alto do início foi quando mandamos uma mensagem direct para o perfil do Paulo Biacchi, dizendo que começamos vendo os vídeos dele e, logo em seguida, ele compartilhou nossa lojinha no story dele! De repente nossos seguidores aumentaram muito!

Luminária Galáxia

FTC: Por que decidiram usar como material o concreto? 

O concreto foi algo que aconteceu, começamos a ver produtos raros de concreto e nos apaixonamos. Pesquisamos e vimos como era fácil trabalhar com o material e e ficamos bastante interessados, por ser também acessível. Além disso, como falamos, gostamos desse estilo mais rústico e industrial que o concreto tem.

Ao mesmo tempo que tínhamos a limitação da forma, tínhamos a liberdade para colorir, pintar, criar, como gostaríamos, pois nesse ponto permite bastante customização, já que recebe bem diversas tintas e o vernizes. Além disso o concreto é durável, bastante sólido e bom de manusear.

Ainda que as pinturas sejam mais lúdicas, tentamos trazê-las de forma mais geométrica, minimalista, para casar com essas características do concreto.

Friends

Grey’s Anatomy

FTC: Podem falar mais sobre alguns dos temas, o lúdico misturado ao material? 

Misturamos duas coisas que gostamos muito: cultura pop (quadrinhos, filmes, séries e games), e o estilo industrial da decoração. Quando começamos queríamos fazer algo diferente do que estávamos vendo por aí. 90% das pinturas eram faixa dourada e preta (risos). Então começamos a pensar como imprimir no concreto essa ideia mais lúdica. E é muito legal porque o concreto é muito blocado, inflexível, mas conseguimos (pelo menos acreditamos que sim) deixar ele com um ar menos sisudo, mais divertido. 

Acho que tem um paralelo importante com o nosso dia a dia e como passamos a tentar transformar as dificuldades em algo mais leve, com ajuda da terapia também, com certeza, já que pra gente é um tema importante, o da saúde mental, pois no meio desse caminho, devido às excessivas jornadas de trabalho em que eu estava submetido e pouco tempo para cuidar da mente, fui diagnosticado com depressão associada à ansiedade e burnout.

Então os vasos também contribuíram bastante nesse momento, inclusive como uma forma de arteterapia. E queremos levar isso para outras pessoas também. Na clínica de psicologia que frequentamos, fizemos dois workshops de arteterapia e lançamos um box “Eu que fiz”, que vem tudo que a pessoa precisa pra produzir o próprio vaso. Enfim, para nós, o lúdico misturado ao concreto é meio que uma metáfora desse momento, já que a LAB07 continua sendo nosso projeto paralelo. 

Luminária Amarela 

Vaso Malévola

Vaso Hulk

FTC: O que vocês tem lido, ouvido, visto/ referências de inspiração que tem tudo a ver com a Lab07? 

Somos leitores assíduos de quadrinhos, viciados em séries, apaixonados por cinema e gamers, ou seja, vivemos as nossas referências. Eu, Maycon, particularmente gosto de ler também sobre saúde mental: meus preferidos têm sido o da Monja Coen, Aprenda a viver o agora, e O Poder do agora, do Eckhart Tolle.

Acho que de decoração nossa referência tem sido o Paulo Biacchi, que tem batido bastante nessa questão do fazer você mesmo usando materiais acessíveis como o concreto. Também gostamos de andar por lojas e feiras de artesanato e ver o que está sendo feito, mas da forma que produzimos, com a pintura temática geek, ainda não encontramos vasos.

Trio de Velas em concreto

Vasinhos Mário e Luigi

O Pinterest é um forte aliado também. Gostamos também de artes minimalistas, geométricas, então tentamos trazer essa referência no estilo da pintura. No fim, grande parte do processo de representação de cada personagem é perceber o que o torna icônico, qual característica faz com que ele se torne reconhecível, de uma forma reduzida.

Nesse ponto eu e o Rodrigo trocamos ideias, pois é um campo do design, da semiótica, etc, é preciso conhecer o que estamos representando, ou seja, é importante estar inserido no contexto geek.

Vaso Arco-Íris

Vasos Faixas

FTC: E agora, o que vem pela frente? Qual o futuro da Lab07? 

Estamos tentando encontrar formas de levar essa ideia do bem estar e do faça você mesmo, de como o trabalho manual pode ser um aliado da saúde mental, para mais pessoas, então estamos empenhados em fazer mais oficinas acontecerem e participar também de feiras.

É o caminho que buscamos agora, de pegar tudo que aprendemos fazendo, errando, fazendo de novo, e levar para as pessoas, pois vemos que estamos vivendo um país de pessoas doentes mentalmente, com os casos de depressão aumentando.

Queremos que faça a diferença como fez para nós. Acho que o box “Eu que fiz” é outro produto que conversa com esse querer e vamos nos empenhar pra trazer vista a ele. A produção começou em casa, fazendo uma bagunça (risos) e agora estamos tentando organizar um ateliê na garagem para ter um local mais dedicado, que talvez até se transforme em um espaço para dar oficinas.

Vaso Game of Thrones

“Quando você recebe um produto nosso, queremos que você se conecte consigo mesmo e às suas emoções, promovendo sensações positivas e uma vida mais feliz e de bem estar.”

Vaso Mickey e Minnie – versão vermelha e abaixo, versão vintage

Vaso em concreto Naruto

Rick e Morty

Turma do Snoopy

X-Men

Thor

Curtiu? Você encontra mais produtos na LAB07 pelo Facebook e Instagram! Encomendas por direct ou WhatsApp (11) 99108.9191.

Carol T. Moré é editora do FTC. Internet, café, todo tipo de arte, viagens e pequenos detalhes da vida a fazem feliz. Acredita que boas histórias e inspirações transformadas em pixels conectam pessoas.

Carol T. Moré – já escreveu posts no Follow the Colours.


Você também poderá gostar de:

Comentários