As peças respiram o encontro da natureza com o essencial de nossos sentidos. Pensamentos, ruídos e texturas imersos na quietude que vão de encontro com o momento atual

O mundo está mudando em um ritmo sem precedentes. Do vestuário ao trabalho remoto, estamos todos incorporando novas maneiras de consumir e adaptar a nova realidade. A boa notícia é que tempos de grande crises levam a inovações em vários setores, como a história nos mostra repetidamente.

E na moda nunca foi diferente: estudos tem mostrado que as mulheres durante a pandemia tem preferido roupas confortáveis ao ver que as barreiras entre casa e trabalho foram rompidas, e isso tem impactado diretamente em suas escolhas.

Marcas que possuem produtos atemporais, confortáveis, de qualidade, e ainda contam com design, ganham cada vez mais a preferência do público. Porém, muito antes do Covid-19, algumas marcas slow-fashion e autorais já trabalhavam com essas reflexões, como é o caso da Cycleland, que traz experimentações dentro do lifestyle urbano e da mobilidade.

A marca endossa o uso da bicicleta no cotidiano por que acredita que ela materializa conceitos fundamentais como a independência, a consciência ecológica e o bem estar. Toda coleção é limitada a poucas unidades, pois isso permite que o processo de criação e execução seja acompanhado de maneira muito próxima e resulte em peças de design autêntico.

URBÂNICA

As últimas peças lançadas e intituladas de ‘Urbânica’ respiram o encontro da natureza com o essencial de nossos sentidos. Pensamentos, ruídos e texturas imersos na quietude. Surgiu bem antes da pandemia, mas já trazia algo para o futuro: malha biodegradável, modelagens amplas, movimento, leveza e shapes ajustados que ganham estrutura com a malha dupla face.

O conforto se destaca em peças como o macacão, pantacourt e camisetas, praticidade com vestido dupla face e a funcionalidade em tops e shorts esportivos. Contemplar a natureza, ressignificar o tempo e o espaço está mais do que na moda. É transformação natural que flui, filtra e inspira a mente. Confira:

 

CONTEMPLAR A NATUREZA, RESSIGNIFICAR O TEMPO E O ESPAÇO

Tee (abaixo) com malha biodegradável: depois de descartada em aterro sanitário a malha entra em decomposição em 3 anos 

Saiba mais sobre a Cycleland e compre no site oficial da marca. Acompanhe as novidades no Facebook e Instagram!

 

Carol T. Moré é editora do FTC. Internet, café, todo tipo de arte, viagens e pequenos detalhes da vida a fazem feliz. Acredita que boas histórias e inspirações transformadas em pixels conectam pessoas.

Carol T. Moré – já escreveu posts no Follow the Colours.


Você também poderá gostar de:

Comentários