https://www.idress.co.nz/wedding-gowns

Eles não acreditam na ditadura do bolo cenográfico. E não querem que seu sim seja trocado por mais um não da indústria casamenteira. Desde que começou a organizar o casamento de sua irmã, em 2007, uma coisa incomodava Francine: o quanto era difícil ousar na organização. Quem procurava algo diferente acabava tendo que se contentar com um pacote criativo pasteurizado e desembolsar uma fortuna. Cansada de ir a celebrações lindas, mas sem alma, Francine imaginou uma maneira de quebrar esse padrão.

Ao organizar o seu próprio casamento, ela desembolsou madrugadas e mais madrugadas em busca de opções alternativas. Da playlist estilo anos 20 ao mini hot-dog, do realejo à lua de mel que culminou com a noiva pedindo conselhos amorosos ao John Cleese após assistir a um show do grupo de humor inglês Monty Python ao vivo, ela e o marido Julio foram atrás de tudo, detalhe por detalhe, com a ajuda de fornecedores e serviços incríveis que encontraram em lugares inusitados como o Guia de Artistas de Rua de São Paulo.

Foi aí que descobriram que o alternativo, além de ser muito mais legal, conseguia ser misteriosamente mais barato! E depois de ouvir muitos convidados pedirem para os dois ajudarem com isso, eles decidiram fazer melhor: ajudar outras pessoas a se casar de um jeito mais gostoso, sem amarras – e, com sua ajuda, sem estresse. Assim nascia a Sras&Srs – Casamentos Originais.

sras & esrs casamentos originais bolo pato

Além da Consultoria Criativa, a dupla oferece outros serviços para deixar um casamento cheio de personalidade: organizam playlists exclusivas, desenvolvem textos e papelaria original como  livrinhos contando a história do casal, fazem a retrospectiva em quadrinhos, plaquinhas de boas vindas, lembrancinhas, sugerem ideias para mini casamentos, dão dicas de lugares divertidos para você passar a sua lua de mel, escrevem textos criativos para o celebrante e voto dos noivos, e ajudam a conseguir realizar aquela ideia que é imprescindível ter, fechada pelo casal.

Juntos, eles tem muitas experiências que se somam. “Estamos acostumados a transitar por diferentes cenários, que vão de dança e literatura a ilustração e rádio. Descobrimos que as melhores referências para casamentos saem dos lugares mais inusitados – e não dos mesmos blogs de sempre”.

Conheça um pouco mais dessa bela história, saiba como funciona a consultoria e descubra como é casar sem camisa de força e do jeito que você sempre sonhou. Sim, seu casamento pode ser único e um espetáculo!

Wedding photo backdrops set for pictures

“A nossa missão não é apenas fazer casamentos completamente loucos. Nossa missão é criar festas e cerimônias que traduzam o espírito do casal. Por exemplo, se o casal é tradicional, nós ajudamos a criar o casamento tradicional mais autêntico do mundo”.

 Katebackdrop|Backdrops Sale for Photography

FTC: Francine, queria que você falasse um pouco sobre o que fazia antes e como foi parar nos casamentos! Como surgiu a Sras&Srs?

A Sras&Srs foi nascendo bem aos pouquinhos – e nasceu sem querer. A sementinha dessa ideia foi em 2007, quando acompanhei minha irmã na organização do casamento dela. Sempre fui apaixonada pela instituição do casamento (sempre sonhei em encontrar e me casar com o meu príncipe encantado, à minha maneira, trocando o cavalo branco por um unicórnio roxo de bolinhas amarelas, mas ainda assim um príncipe encantado) e tinha a ilusão de que montar o meu próprio evento seria algo divertido e mágico. Qual não foi minha surpresa, ao me deparar com um mercado quadrado, cheio de regras e propostas com pouca ou nenhuma variação entre um fornecedor e outro?

Esse balde de água fria me fez começar a ter opiniões muito próprias sobre o que é o casamento – tanto o relacionamento propriamente dito quanto a cerimônia e a festa. E de lá para cá, sempre que encontrava alguma coisa ligada a ideias alternativas, eu devorava. Muito antes de sequer ter um namorado firme, encontrei, perdido numa estante da Livraria Cultura, o livro Fox Bride (da Ariel Meadow) e descobri que existiam pessoas que pensavam como eu e também pregavam que casar não tem regras – a única regra é fazer o que você acredita. Esse livro é a bíblia do meu trabalho hoje.

foxbride

Esse pensamento ficou na minha cabeça até o momento em que meu hoje marido me pediu em casamento. Aí, chegou a hora de colocar em prática todas as minhas ideias. E foi difícil. Sete anos depois do casamento da minha irmã (casei em junho de 2014), descobri que as coisas melhoraram um pouquinho (graças a Deus pelo Pinterest!) – mas muito pouco.

Tenho dezenas de exemplos de situações engraçadíssimas que resumem nossa busca por um casamento alternativo e a dificuldade da maioria dos fornecedores de entender o que queríamos. De decorador que confundiu estilo carnival (feira de parque de diversões antiga) com baile de carnaval, até fornecedor de música tentando converter meu marido ateu. Isso tudo sendo chamada de noivinha, tratada como uma menina de 5 anos e vendo meu noivo sendo ignorado completamente durante toda a conversa.

9 meses de muitas madrugadas viradas em busca de fornecedores alternativos depois, conseguimos montar nosso próprio evento não-tradicional, com profissionais garimpadíssimos e incríveis – e a experiência foi maravilhosa.

sras & esrs casamentos originais

sras & esrs casamentos originais Old Love Fotografia

sras & esrs casamentos originais Old Love Fotografia

Quando voltei da lua de mel para a agência de publicidade onde trabalhei por 7 anos, passada toda a ressaca, comecei a perceber que o desafio de criar ideias para grandes marcas não era tão diferente que o de criar a festa para uma das decisões mais importantes da sua vida – e comecei a encarar a entrada no mercado como uma possibilidade. Quando meu diretor de criação comentou, numa conversa de feedback pós férias, que o próximo passo da minha carreira seria virar diretora de criação e eu não fiquei feliz nem pulei de alegria, percebi que tinha alguma coisa errada. E que estava faltando uma coisa na minha carreira: amor.

Nisso, os meus convidados não paravam de falar na minha festa e pessoas que viam as fotos me perguntavam mil coisas. Pouco a pouco, percebi que essa indústria estava carente de um negócio criativo que propusesse novas ideias e principalmente de gente que unisse noivos bacanas a fornecedores que pensassem como eles. Comecei a desenhar o modelo de negócios da Sras&Srs. Assim, decidi, meio sem querer, a trabalhar com amor, em todos os sentidos da palavra.

sras & esrs casamentos originais Old Love Fotografia

sras & esrs casamentos originais

Em setembro/2014 já estava com o modelo de negócios montado e o primeiro casamento engatilhado. A decisão em fazer uma consultoria criativa (que funciona quase como uma assessoria, mas voltada a ideias originais e fornecedores alternativos) vem do meu background trabalhando com a publicidade. Hoje, o que apresentamos para os noivos não perde em nada para projetos de grandes campanhas publicitárias, com a diferença de que é feito de maneira super personalizada e cheia desse amor para um casal único, pessoa física e real.

De lá para cá (vamos fazer 1 ano!), fui fazendo escolhas – e eu, que nunca quis abrir um negócio, decidi sair da agência. Meu esposo é meu sócio, ajuda na estratégia e gerenciamento de projetos, e mantém o day job dele. Ainda estamos só no começo (sempre deixo claro que não larguei tudo, na verdade estou fazendo tudo de forma muito pensada, afinal todo mundo precisa comer e se vestir – haha), mas a aceitação tem sido muito bacana – inclusive por parte dos novos fornecedores, que estão felizes de encontrar alguém que pense diferente.

sras & esrs casamentos originais

FTC: Qual a maior dificuldade que as pessoas enfrentam quando vão casar e como vocês resolvem isso?

De um modo geral, casais (sejam eles não-tradicionais ou tradicionais) têm uma dificuldade muito básica: não têm parâmetros. Casar não é como comprar um celular, não dá pra comparar preços no Buscapé. Como a maioria das pessoas casa apenas 1 vez, ninguém tem muita ideia do quanto custa (ou pode custar) um casamento, ou mesmo da qualidade dos serviços prestados (duvido que alguém que nunca se casou faz ideia do quanto custa um bem casado ou já parou para comparar a diferença de tamanho e sabor entre um bem casado e outro).

Isso faz com que o mercado possua preços e qualidade de entrega de trabalho muito disparatados: algumas pessoas cobrando preços milionários, outras cobrando muito pouco – e nos dois lados, resultados impecáveis ou assustadores. Como trabalhamos com isso diariamente (sabemos o que é um bem casado maravilhoso e conhecemos quem o faça por um preço justo), temos mais facilidade em guiar os casais nesse mundo novo.

Claro, isso toda assessoria boa faz. Mas a Sras&Srs ainda tem um ponto diferente: enquanto assessorias mais tradicionais vão indicar o melhor bem casado do mundo que já faz parte de sua carteira de fornecedores, nós vamos atrás do melhor bem casado do mundo para o casal em questão (de acordo com a personalidade, gosto para doces, região em que mora, verba e crenças – quem disse que não existe bem casado vegano?). Ou melhor: até damos outras ideias alternativas no lugar dos bem casados.

sras & esrs casamentos originais

Já os casais não-tradicionais encontram dificuldade na aceitação de suas ideias. Muitos fornecedores estão acostumados com um modelo pronto (importante dizer que isso não é sempre falta de boa vontade, a maioria prefere apostar em coisas que já funcionaram para evitar erros no grande dia), sendo muito pouco flexíveis. Mesmo alguns que têm uma proposta mais moderna acabam entregando um “pacote moderno” que muitas vezes é igual ao que já vimos por aí, inúmeras vezes.

A boa notícia é que tem muita gente por aí fazendo um trabalho incrível e flexível – só é preciso ter tempo e paciência de achar (ou às vezes apenas a coragem de perguntar). Como transitamos por vários meios, conhecemos fornecedores de todos os estilos e conseguimos encontrar essa galera que não só vão aceitar ideias malucas, como vai adorar executá-las.

Por fim, outra dificuldade, nesses tempos de Pinterest, é entender como é o casamento que você quer, de verdade. A maioria dos casais que encontramos está tão perdido em meio a tantas referências que quer casar na praia, no campo e na cidade, tudo ao mesmo tempo – e por causa disso já está estressado no primeiro mês da organização. Nesse caso, nosso trabalho inicial, que é quase uma análise psicológica e etnográfica do casal para entender quem eles são verdadeiramente e contar isso para eles funciona lindamente.

sras & esrs casamentos originais

FTC: Com o que vocês se inspiram para dar vida à ideias criativas no “momento mais importante de suas vidas”?

Em qualquer coisa, menos em blogs e revistas de casamento! Tá bom, é claro que acompanho um blog ou outro, mas a grande maioria da minha lista de leituras vem de outras fontes. Isso vale para criação em todas as áreas, né? Acredito que quanto mais diferente e diversa for sua fonte de inspiração, mais diferente e diverso fica seu trabalho final.

Por isso, nossa inspiração vem também de blogs de festas infantis, de decoração e arquitetura, mas acima de tudo da diversidade de atividades que gostamos e que nos levaram a trabalhar com criação para começo de conversa: ilustração, literatura, cinema, dança, música (também tocamos instrumentos, o Julio ilustra e apresenta um programa de rádio sobre cinema, eu danço e escrevo…), o que nos ajuda a não ficar viciados em apenas um jeito de ver a arte e estar atentos a faíscas de inspiração nascendo de um filme, de um estilo de dança!

sras & esrs casamentos originais

FTC: Conte uma das coisas mais inusitadas que já organizaram para um casamento.

Já tivemos noivo fazendo show de mágica, pista de dança a céu aberto, casamento que trocou a pista por orquestra e piano de cauda, casamento no teatro, buquê que se partiu em vários para não deixar ninguém de fora, amiga celebrante, malabarista recebendo os convidados, foodtruck no lugar da mesa de doces, piñata em forma de buquê…

Tem também as ideias que ainda não rolaram, mas já pensamos em fazer um casamento na Disney com transmissão via internet e bottons de “EU NÃO FUI” e minichampagne distribuído para os convidados. Já recebemos pedidos para fazer um casamento chiquérrimo porém com menu de fast food, catering que segue o movimento slow food e casamento com temática Dr Who. Tem pra todo mundo!

sras & esrs casamentos originais

FTC: Como funciona a consultoria pocket?

A consultoria pocket é destinada a casamentos com até 80 convidados, o que o mercado costuma chamar de mini wedding e a gente prefere chamar de mini casamento. Percebemos essa demanda de pessoas que vão fazer eventos menores e que têm uma verba mais reduzida, mas que também querem grandes ideias. A consultoria pocket funciona exatamente como a consultoria completa, mas com menor número de ideias (o projeto criativo tem 50 páginas, em vez das 100 do projeto completo) e menor número de fornecedores indicados (de 60 vai para 30, em média).

sras & esrs casamentos originais

FTC: Uma frase que tem tudo a ver com o negócio de vocês.

Parece estranho, mas é de verdade? Então vai dar certo.

sras & esrs casamentos originais

FTC: 5 coisas que ninguém deve deixar de ter em seu casamento;

– Pelo menos um casal apaixonado;

– Sinceridade (especialmente na cerimônia, religiosa ou não);

– Uma ideia muito vocês (uma só já serve!) que vai fazer noivos e os convidados lembrarem daquele dia para sempre;

– Staff sorridente (da assessoria até à copeira, passando pelos garçons. Acreditamos na “experiência Disney” e isso só se consegue garimpando bem!)

– Diversão (seja lá o que vocês consideram diversão – pode ser bebida à vontade para todos, pode ser um jogo de tabuleiro ou apenas um som agradável para uma bela conversa).

sras & esrs casamentos originais

FTC: Se você pudesse mandar uma mensagem para uma pessoa que vai casar, qual seria?

No seu casamento, vocês não “têm que” nada. Não deixem ninguém dizer o que precisam ou não fazer. Nem sua família, nem aquele blog descolado. Aproveitem essas mais ou menos 6 horas de evento pra contar uma história sobre vocês e não sobre quem vocês acham que deveriam ser.

Ah, sim, e parabéns por fazer essa escolha. Aquela história de casamento ser piscina de água fria só vale pra quem não descobriu que casamento, na verdade, é uma piscina de bolinhas. Mergulhe e curta!

sras & esrs casamentos originais Old Love Fotografia

sras & esrs casamentos originais Old Love Fotografia

sras & esrs casamentos originais Old Love Fotografia

sras & esrs casamentos originais Old Love Fotografia

sras & esrs casamentos originais Old Love Fotografia

sras & esrs casamentos originais

 

Brick Backdrops for photographers

Interessou? Fale com Francine e Júlio! Entre no site: Sras &Srs. Siga no Facebook: /casamentosoriginais. No Instagram: @srasesrs.

Imagens: Sras & Srs e Old Love Fotografia.

Carol T. Moré é editora do FTC. Internet, café, todo tipo de arte, viagens e pequenos detalhes da vida a fazem feliz. Acredita que boas histórias e inspirações transformadas em pixels conectam pessoas.

Carol T. Moré – já escreveu posts no Follow the Colours.


Você também poderá gostar de:

Comentários