Viajar é aprender, relaxar e se divertir. Ao realizar viagens pelo mundo, você faz amizades e pode imergir em novas culturas

Ah, a tão sonhada viagem internacional! Muitas pessoas têm como objetivo viajar pelo mundo, conhecendo as riquezas culturais, arquitetônicas e ambientais que outros países têm a oferecer.

O mundo é muito grande, as culturas e países são diferentes, e conhecer novas pessoas com outros costumes pode te proporcionar uma bagagem cultural enorme, trazendo experiências inesquecíveis.

Se sua vontade é viajar sozinho (ou não) pelo mundo, aprendendo diversas culturas e conhecendo pessoas diferentes, trazemos dicas que podem ajudar a viagem ganhar uma nova perspectiva. Confira:

COMO FAZER AMIZADES NAS VIAGENS?
1. Aprenda novos idiomas

Para conseguir ter contato com novas pessoas e ter novas experiências, é necessário aprender novos idiomas, e isso não é mais uma tarefa difícil. Hoje, existem uma infinidade de cursos de idiomas on-line acessíveis. Para quem quer viajar pela América do Sul, realizar um curso de espanhol on-line pode fazer com que o viajante tenha contato com a cultura de diversos países que falam espanhol.

O inglês é o idioma considerado internacional, mas tem diversos países em que só falar o inglês pode limitar suas experiências e dificulta conhecer mais da cultura do país visitado. Por mais que muitos países e atrações turísticas tenham suporte a outros idiomas, falar a língua nativa, mesmo que pouco, pode trazer um contato mais próximo com os locais, possibilitando fazer novas amizades.

2. Fique em hostels ou albergues

Principalmente se viajar sozinho, ficar nesse tipo de acomodação pode facilitar o contato com outras pessoas, não necessariamente nativas do país onde você está visitando. Muitas pessoas têm esse costume, então você poderá ficar hospedado em um hostel, porque costuma-se dividir o ambiente com pessoas do mundo todo.

Outro benefício de ficar em hostel, é que geralmente você ganha companhia para seus passeios pela cidade, trocando experiências, inclusive, com os locais.

Caso você não queira ficar em albergues, existem muitos hotéis que tem um bar dentro dele. É uma boa opção para conhecer novas pessoas, sem dividir seu espaço pessoal. Muitos albergues também organizam um tour pelos bares da região, que também é uma ótima oportunidade de conhecer mais pessoas e fazer novos amigos.

3. Hospede-se na casa de alguém que não conhece

A princípio parece perigoso, mas existem serviços como o Airbnb ou o Couchsurfing, em que você pode se hospedar num quarto da casa ou no sofá de um anfitrião. Isso permite um contato próximo com pessoas nativas daquele local, permite a troca de experiências e novas amizades que podem ser duradouras.

Os serviços geralmente fazem vistorias nos ambientes colocados para aluguel, para evitar colocar seus usuários em situações de risco.

4. Participe de passeios gratuitos

Existe um tipo de passeio que é chamado “Free Walking Tour”, ou passeios gratuitos a pé. Nesses passeios, você é convidado a contribuir com o quanto pode, e um guia turístico leva o grupo até passeios pela cidade.

Esse tipo de passeio é muito usado por viajantes mais descolados e mochileiros que querem conhecer vários lugares, sem gastar muito. Muitas vezes, você acaba conhecendo pessoas do mesmo estilo que você, que podem se tornar grandes amigos.

Os guias também possuem diversas indicações de bares, restaurantes e outras atrações para o seu estilo, além de levarem o grupo no final do passeio para um café ou um bar. Sempre vale a pena, os free tours que fiz na vida sempre foram válidos!

5. Use transportes públicos ou por aplicativo

No transporte público você encontrará pessoas de todos os cantos da cidade, e muitas vezes de outras cidades. É uma ótima oportunidade para fazer amizades e saber mais sobre o local que está visitando.

Os carros de aplicativo também são uma ótima pedida, pois o motorista acaba tendo contato com pessoas de diversos lugares. Se quiser, divida a carona com mais pessoas e tenha ainda mais chances de conhecer pessoas novas.

6. Faça aulas

Sabemos que ninguém quer estudar em uma viagem a lazer. Mas, que tal aprender algo relacionado ao seu destino de viagem? Por exemplo, escalar, esquiar, mergulhar, culinária, dançar salsa, entre outras.

Ao fazer uma aula específica você não só aprende algo novo, como também conhece muitas pessoas.

7. Seja flexível

Você fez um roteiro de viagem e tem tudo planejado? Saiba que para aproveitar mais a sua viagem, e não ficar sozinho 100% do seu tempo, é preciso ser flexível. Então, não se prenda tanto ao seu planejamento, mas se em uma conversa você recebeu um convite para fazer alguma atividade não programada, considere se vale a pena improvisar. Claro, tomando os devidos cuidados.

Aceitar um convite para um novo programa pode ser bastante divertido. Mas tenha cautela e estude o local a ser visitado. Saiba que muitos dos melhores programas de viagem são aqueles feitos de última hora.

Então, preparado para realizar a viagens dos sonhos e fazer novas amizades, além de aprender diferentes culturas? Eu mesmo já conheci diversas pessoas e incríveis histórias e pontos de vista da vida diferente, e ainda tenho contato com alguns, em pontos de ônibus, em tours guiados (free walking tours), em aulas de culinária, no aeroporto ao sentar para dividir a mesa para um café, e todas me renderam boas histórias! Claro, com toda segurança e cuidado.

Carol T. Moré é editora do FTC. Internet, café, todo tipo de arte, viagens e pequenos detalhes da vida a fazem feliz. Acredita que boas histórias e inspirações transformadas em pixels conectam pessoas.

Carol T. Moré – já escreveu posts no Follow the Colours.


Você também poderá gostar de:

Comentários